RJ no Ar Posto adulterava quantidade de combustível na zona oeste do Rio

Posto adulterava quantidade de combustível na zona oeste do Rio

Um posto teve uma das bombas interditadas por adulterar a quantidade de combustível que era vendida aos clientes em Campo Grande, zona oeste do Rio.Os motoristas recebiam 10% menos do que era cobrado pelo combustível. A fraude foi descoberta durante uma operação da ANP (Agência Nacional de Petróleo), em conjunto com o InMetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia), Ipem (Instituto de Pesos e Medidas do Estado do Rio de Janeiro) e a Polícia Civil.