Câncer infantil: diagnóstico precoce aumenta chance de cura

Doze mil e quinhentos crianças e adolescentes devem
ter algum tipo de câncer até o final de 2019, segundo a estimativa do Instituto Nacional do Câncer. Mesmo com esse número alarmante, as mortes pela doença tem diminuido nos últimos anos. É importante lembrar que quanto mais cedo o diagnóstico mais chances do paciente se curar.