SP no Ar Bandidos dão trote no SAMU para assaltar socorristas

Bandidos dão trote no SAMU para assaltar socorristas

Só no primeiro semestre de 2019, foram registrados 150 mil trotes ao Corpo de Bombeiros e ao SAMU. Uma lei criada há sete anos prevê punição para quem faz as falsas ligações, mas ela ainda não foi regulamentada. Agora, criminosos também usam o falso pedido de socorro para cometer assaltos, como por exemplo, na Brasilândia, zona norte de São Paulo, onde uma equipe do SAMU foi rendida e teve os pertences roubados. Para assistir ao conteúdo na íntegra, acesse PlayPlus.com